Cozinha contemporânea, gastronomia molecular, faux food, comida gut-health, alimentos funcionais… Novas tendências sempre surgem nas grandes cozinhas de todo o mundo. Muitas vezes, gastronomia, inovação e tecnologia se encontram, geralmente com o uso de equipamentos que intensificam os sabores e texturas dos alimentos. Com o advento da impressão 3D, chefs renomados viram uma oportunidade: imprimir alimentos. Impressoras 3D permitem que pratos sejam milimetricamente perfeitos, em formas que utensílios comuns não conseguiriam atingir. Leia, neste artigo, como impressão 3D e gastronomia estão sendo reunidas nos melhores restaurantes do mundo.

Impressora 3D Foodini

Impressora 3D Foodini

Impressão 3D e gastronomia: como funciona

A impressão de objetos tridimensionais está revolucionando os mais diversos segmentos. Dentre eles, podemos destacar a educação, as artes, a moda, o automobilismo e a medicina. Trazer objetos imaginados à vida real parece mesmo algo vindo das mais fantasiosas ficções científicas! E o melhor: com custos de produção bem mais baixos do que os métodos tradicionais.

No caso de restaurantes inovadores, a impressão 3D é um método para se obter alimentos de manipulação delicada nos mais diversos formatos. A impressão do prato é feita pelo método de adição. Ou seja: o insumo deve ser pastoso, para que o bico extrusor consiga depositá-lo em camadas, como se fosse um polímero derretido.

Esta “limitação”, no entanto, não é suficiente para deter a criatividade dos chefs. Muito pelo contrário: com a impressora 3D é possível dar forma a chocolate, molhos, purês e massas. Esses alimentos, em geral, não permitem uma manipulação precisa pelos métodos tradicionais. Mas a impressão 3D não fica restrita aos alimentos difíceis de modelar. Chefs ao redor do mundo têm utilizado a tecnologia para sofisticar comidas mais simples, como pizza e cookies.

Atenção: os chefs utilizam impressoras 3D especialmente desenvolvidas para eles, como a Foodinie a ByFlow. Portanto, nada de colocar chocolate na sua 3D Tower Pro!

Impressão 3D e gastronomia: experiências pelo mundo

O renomado chef Paco Perez, cujos restaurantes já receberam várias estrelas Michelin, é o mais proeminente entusiasta da junção de impressão 3D e gastronomia. Em um de seus restaurantes, La Enoteca, em Barcelona, o chef cria pratos utilizando a técnica. Seu prato mais famoso feito na impressão 3D é chamado de “Sea Coral”. Nele, um purê de frutos do mar é impresso em formato de coral – o que seria impossível de conseguir à mão. Posteriormente,  o chef acrescenta ingredientes da maneira tradicional, incluindo caviar e um espuma que lembra o mar.

Já o restaurante pop-up Food Ink, por exemplo, utiliza a impressão 3D não apenas para imprimir comida, mas também para imprimir utensílios – inclusive talheres – e mobiliário. A proposta do restaurante é unir a interface tecnológica com arte, filosofia e alta gastronomia. O Food Ink já passou pela Espanha, Inglaterra e Holanda.

A junção entre impressão 3D e gastronomia é de dar água na boca! Acompanhe a 3DLopes nas redes sociais e fique por dentro de todas as novidades sobre impressão 3D. Estamos no Facebook e no Instagram!

 

Categorias: Impressão 3D

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *